Museu da Ci�ncia - Universidade de Coimbra

O Universo enquanto laboratório matemático

João Fernandes (Departamento de Matemática da Faculdade de Ciências da Universidade de Coimbra)

A Matemática e a Astronomia têm uma relação forte e secular. Durante muitos séculos os astrónomos eram matemáticos que construíam modelos para a reprodução das observações astronómicas, em particular no que dizia respeito aos corpos do Sistema Solar. Era, dizia-se, o ato de “salvar as aparências”. Quando pensamos nos trabalhos, entre tantos outros, de Eratóstenes, Copérnico, Kepler, Newton, Le Verrier ou Einstein constatamos que o Universo tem sido um extraordinário palco onde a Matemática e a Astronomia se entrelaçam numa dança em favor da Ciência. E muito para além das aparências. Nos tempos mais modernos, podemos continuar a invocar esta ligação, por exemplo, nas descobertas de planetas extrassolares (1995), de ondas gravitacionais (2016) ou da sombra de um buraco negro (2019).

Nesta palestra discutiremos alguns destes exemplos e do seu impacto no fortalecimento do conhecimento humano.

MAIS INFORMAÇÕES

Horário: 15H00
Público alvo: público em geral
Entrada livre